segunda-feira, 17 de julho de 2017

O GADARENO

Ao avistar o Mestre Nazareno
Sem que, ao menos, soubesse Ele quem era,
Conhecido possesso gadareno,
Pôs-se a gritar, transfigurado em fera...

Mas, o Cristo de olhar sempre sereno,
Sem se exaltar como o jamais fizera,
Pergunta-lhe, com a voz em tom ameno,
Na provação cruel que o encarcera:

- Qual é o seu nome?! Diz-me, meu irmão...
- O meu nome, Senhor, é “legião”!... -
Responde o infeliz que tresloucara...

E ordenando aos espíritos imundos
Descessem aos abismos mais profundos,
Jesus liberta o homem de Gadara!...

Olavo Bilac

(Página recebida pelo médium Carlos A. Baccelli, em reunião pública do Lar Espírita “Pedro e Paulo”, na manhã de sábado do dia 8 de julho de 2017, em Uberaba – MG).


3 comentários:

  1. Ai Senhor! Tende compaixão de mim, sou muitas vezes a própria legião, em mim habitam muitas personalidades imperfeitas. Que Jesus nos ajude a expulsar nossas trevas. Obrigada Olavo Bilac, obrigada Baccelli.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Nós somos 'Legião'. Inácio Ferreira escreveu "À semelhança do homem gadareno, todos nós podemos dizer que, em verdade, o nosso nome também é 'legião', de vez que trazemos, em nós, a presença de inúmeras personalidades, que já incorporamos no curso das vidas sucessivas..." ("Egos em conflito". LEEPP, 1ª edição, out 2016, Prefácio de 15-04-2016). Agora, Olavo Bilac convida-nos a refletir sobre o episódio daquele gadareno quando dialogou com Jesus Cristo e libertou-se dos "Egos em conflito" nele presente. Também nós nos libertamos desses "eus conflitantes" quando dialogamos verdadeiramente com o clarão da Doutrina Espírita ou Espiritismo! Deus abençoe ao nobre irmão Olavo Bilac! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo!!!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Formiga e Olavo Bilac!!

    Caramba!! que linda poesia!!

    Parabéns!!

    Muito obrigado!!
    Excelente dia e semana para todos nós!!
    Fiquemos com o BOM DEUS!! \O/
    Carlos A. Gomes

    ResponderExcluir